Social Icons

twitterfacebookgoogle pluslinkedinrss feedemail

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Dom Tempesta pede solidariedade às paróquias do Rio para com os desabrigados das chuvas





RIO DE JANEIRO, 08 Abr. 10 / 02:19 pm (ACI).- Diante das torrenciais chuvas dos últimos dias que deixam um saldo de mais de 150 mortos, o Arcebispo metropolitano do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta, enviou uma mensagem pedindo às paróquias e organismos da arquidiocese solidariedade com os atingidos pelas enchentes.
Abaixo segue a nota enviada pelo prelado, com data de 08 de abril:

“Diante da calamidade pela qual passa nossa querida cidade do Rio de Janeiro, peço às paróquias de nossa Arquidiocese para acolherem os desabrigados, bem como às capelas, colégios e organismos arquidiocesanos para auxiliarem no socorro das suas necessidades, juntamente com os padres, religiosas e religiosos, somando esforços ao poder público e outras entidades, neste momento difícil.

Também encaminharemos todas as doações que recebermos nas paróquias, para minimizar os sofrimentos das famílias. Seja ajuda material — como colchonetes, produtos de higiene, água potável ou alimentos — ou ainda a ajuda financeira, depositada na conta bancária da Cáritas Arquidiocesana, no banco Bradesco, Agência 0814-1, C/C: 48500-4.

Nesta Semana Pascal, quando resplandece o vigor da caridade de Cristo por todos os seres humanos, invoco a intercessão de São Sebastião, Padroeiro da nossa Cidade, para que cessem as calamidades, e a de São Jorge, para que renove a força dos cariocas diante das dificuldades”, conclui a missiva.

Canção Nova Notícias informou que Niterói e São Gonçalo são as duas cidades mais castigadas pela chuva, com o registro de mais de 80 mortes e dezenas de pessoas desaparecidos.

A Defesa Civil da capital carioca informa que a cidade permanece em estado de atenção em razão das chuvas que devem continuar, porém, perdendo força ao longo da semana. A maior parte das ocorrências ainda é relativa a desabamentos de imóveis, rachaduras, deslizamentos de barreiras e quedas de muros.

Segundo a informação da página da arquidiocese carioca, os danificados já estão encontrando abrigo e solidariedade nas paróquias e capelas da cidade. Estas porém estão necessitando todo tipo de ajuda material para seguir apoiando os danificados, alguns dos quais perderam todos os seus pertences.

Para saber como ajudar veja:
http://www.arquidiocese.org.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=3172&sid=39

0 comentários:

Postar um comentário

 

Sample text

Sample Text